quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Cristina usa erro de diagnóstico para dizer que milagre curou seu câncer



Um milagre curou o câncer que Cristina não tinha 

 No começo deste mês, Cristina Kirchner (foto), 59, se submeteu a uma operação na glândula tiroide para extração de células cancerosas. Conforme se verificou durante a intervenção, houve um erro de diagnóstico. A presidente da Argentina não estava com a doença.

 Cristina aproveitou o erro dos médicos para reforçar a sua popularidade, se apresentando, agora, como uma ungida pelos céus. Ela vem dizendo que um milagre curou o seu câncer.


 “O médico não quis dizer, mas eu digo: foi um milagre”, disse ela, de acordo com a BBC. “Quero agradecer a todos que rezaram pela minha saúde.”

 A cirurgia da presidente foi precedida por uma corrente de orações organizada por evangélicos de diversas denominações. Agora, com o “milagre da cura”, os religiosos propagam que Deus ouviu suas orações. Eles ignoram o erro de diagnóstico.


 A Argentina já teve economia forte, que garantia à população uma boa qualidade de vida, talvez a melhor da América do Sul. Nas últimas duas décadas, contudo, o país se empobreceu muito por conta da adoção de políticas econômicas equivocadas.

 Como se sabe, as mistificações e crendices prosperam principalmente em países pobres. Nesse sentido, a cura milagrosa de um câncer que Cristina nunca teve dá um indício de que a Argentina continua indo ladeira abaixo.


 Leia mais em http://www.paulopes.com.br/#ixzz1lB5UJ1Lp Paulopes só permite a cópia deste texto para uso não comercial e com a atribuição do crédito e link.

Um comentário:

Regras para compor sua mensagem:

No máximo cinco linhas.
Colocar apenas um tema apenas.
Se for uma acusação, expor uma fonte documental da época em questão.
Deixar Nome, E-mail e local do seu contato.

Monitoramento

Locations of visitors to this page

Radio Macabeus.

II Vídeo